Blog Tweed

16 de setembro de 2014

0

Compra na China: pincéis de maquiagem

Claro que quando cheguei aqui nos Estados Unidos meu vício de comprar em sites chineses não diminuiu. Aproveitei que eu estou com um cartão do programa que tem dólares e já comecei a usar ele para comprar pelo site Aliexpress, como sempre. 


Eu fiz o pedido dos pincéis no dia 29/08 e a encomenda chegou ontem, dia 15/09. Ou seja, foi um pouco mais de duas semanas para chegar. Imaginem minha felicidade já que no Brasil eu tenho que esperar uns dois meses para chegar qualquer coisa.


Os pincéis vieram nessa bolsinha de algodão com o nome da marca, que é ótima para levar eles para onde quiser, seja na bolsa para retocar a maquiagem ou para levar em viagens.


Cada pincel veio embalado em um saco plástico, então as cerdas estão em perfeitas condições, sem contar que o toque é bem macio e cada pincel é diferente, seja por causa do seu ângulo ou do seu tamanho.



Na página do vendedor, ele mostra a função de cada pincel:


Gostei bastante deles e valem o preço que paguei, afinal eles tem qualidade de fato. Os 10 pincéis custaram $ 11,47, cerca de R$ 27,00. Clique Aqui para ver a página de venda dos pincéis.

11 de setembro de 2014

0

Primeiro jogo de Baseball!

No sábado passado (dia 06/09) tive minha primeira experiência tipicamente americana: assisti uma partida de baseball. Minha roommate (colega de quarto) me convidou para ir com ela e com a host family (uma família americana que nos "adota" aqui) dela já que estava sobrando um ingresso.


A partida foi na cidade de Cincinnati, que fica a cerca de 1 hora e 30 minutos daqui de Hanover, e os times que estavam jogando eram os Reds (time de Cincinnati) contra os Mets (time de Nova Iorque). Ou seja, eram um grande jogo e bem importante. Nossos assentos estavam bem posicionados, na metade da arquibancada do andar inferior, então estávamos consideravelmente próximos do campo.


O jogo dura muito tempo e são muito rápidos os movimentos e as trocas de posição entre os times. Durante o jogo eles tocam aquele tipo de som clássico de partidas de baseball, passam informações dos jogadores no telão, mostram os torcedores e até tem aquela "kiss cam", que se te mostrarem no telão, você tem que beijar a pessoa do lado. Se alguém do time da casa faz um homerun ou se um jogador do time adversário é eliminado, eles soltam fogos de artifício e lançam chamas no ar.


Eu adorei a experiência e o que eu mais gostei foi que eu recebi esse certificado de primeiro jogo de baseball nesse estádio, então vou ter uma recordação desse momento para sempre.

Vejam algumas fotos que eu bati por lá:






Minha escolha para assistir o jogo: duplo cheeseburger, batata frita e fanta laranja.



Vista para o Rio Ohio

5 de setembro de 2014

0

20 dias nos Estados Unidos: primeiras impressões

Oi gente, vim fazer uma listinha das minhas primeiras impressões da vida universitária que estou vivendo aqui. Já fazem 20 dias desde que cheguei na universidade e nesse meio tempo já deu para conhecer o campus, o estilo de vida e os costumes, pelo menos o básico. Vamos lá começar a lista?


1. Ter 18 anos não significa que você é adulto.

Mesmo eu sendo aluna internacional e já tendo cursado quase 3 anos na UFC no Brasil, eu estou em um dormitório de "freshman", os calouros daqui. Todos tem de 17 a 18 anos e é notável a diferença de mentalidade e maturidade entre eles e o pessoal brasileiro com a mesma idade. Como muitas coisas aqui só se pode fazer com 21 anos (como beber e ir para boates), o pessoal continua do mesmo jeito do ensino médio. Eu e meus amigos brasileiros costumamos dizer que estamos com 16 anos de novo, porque o pessoal ao nosso redor e as "atividades" nos fazem sentir dessa forma.


2. As festas não são como nos filmes americanos (pelo menos aqui).

Posso estar sendo precipitada, pois até agora não tive a oportunidade de ir para festas de fraternidades, que só vão começar no dia 16/09, mas até agora nada chega aos pés das festas no Brasil, pelo menos na minha universidade. Tem uma música tocando, um monte de grupinhos em rodinhas, algumas meninas gritando e querendo aparecer e pessoas dançando estranho. Aqui o pessoal dança de forma diferente. Nós mulheres estamos acostumadas a dançar com o quadril, aqui elas dançam com os braços, se é que me entendem, e loucamente, para aparecer mesmo. Sem contar que é normal aqui as mulheres se esfregarem nos homens enquanto dançam, para valer mesmo. Nada comparado como é no Brasil. O mais perto que chega é a um baile funk, só que de música eletrônica. É muito pesado.
3. Comida saudável só em poucas opções.

Meu "restaurante universitário" tem diversas bancadas com diferentes opções de comida. Quer comida saudável? Então escolha entre A e B, ou só tem A mesmo. Não é tão variado o cardápio de carnes magras (ou qualquer carne), legumes e frutas. Aqui eles comem muita massa. Todo dia tem uma bancada só com massa e pizza. E algo integral? Jamais.


4. Faculdade é vida.

Aqui eles levam muito a sério a faculdade e os eventos. Uma besteirinha é considerado um grande evento para eles e todos tem que ir. Eles gostam de fazer e ser a faculdade, tanto que existem diversos clubes em que você pode fazer parte. Com isso muitas pessoas se aproximam pelos seus interesses comuns e até fica mais fácil fazer amigos.


5. Estudo e mais estudo.

Na minha universidade você tem duas opções: ou faz 2 disciplinas relacionadas a sua formação e 2 que você tenha interesse em aprender (no meu caso, faço imunologia e patofisiologia como disciplinas de ciência e e-commerce e cerâmica I como disciplinas a parte) ou faz 3 disciplinas da sua área. Comparando a minha grade da UFC, em que eu fazia 8 disciplinas por semestre, a essa de apenas 4 disciplinas, parece que é de boa, só que não. Todo dia te dão uma tarefa de casa para fazer, seja ler um texto ou um capítulo do livro para discutir na próxima aula, seja fazer uma redação, seja estudar para um quiz ou uma prova. Sempre tem algo para se fazer, é impressionante. Então acaba que mesmo com a metade das aulas que eu tenho no Brasil, dá quase o mesmo tempo de dedicação ao estudo.

Acho que por enquanto esses são os pontos principais do que eu tenho vivenciado por aqui. Conforme o passar do tempo eu volto para detalhar mais minhas impressões e como está sendo minha vida por aqui. Beijos 

3 de setembro de 2014

0

Mais compras!

Mais um vídeo para vocês! Esse vídeo eu fiz logo que cheguei do Mall St. Matthews no dia 27/08. Como dessa vez tive mais tempo de andar pelo shopping e ver todas as opções, acabei comprando mais coisas e economizando ainda mais.

Confiram:


1 de setembro de 2014

1

Primeiro dia de aula


Hoje foi meu primeiro dia de aula na universidade. Me matriculei nas aulas de imunologia, patofisiologia, e-commerce marketing e espanhol. Aqui a didática é bem diferente, as aulas são mais curtas e com poucos alunos, além do que você só pode se inscrever para no máximo 4 créditos, que geralmente são 4 disciplinas. No entanto, a quantidade de material para ler e dever de casa para fazer é enorme. Eu já não sabia mais o que era fazer dever de casa, sério haha.

Tirei algumas fotos do campus para mostrar a vocês:

Entrada do campus


O mascote da universidade: pantera.





President's House

The Point, com vista para o Rio Ohio que divide os estados de Indiana e Kentucky



© Blog Tweed - 2014. Todos os direitos reservados. Criado por: Thaís Oliveira . Tecnologia do Blogger .
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...